Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Chá das cinco

Chá das cinco

Conversas sem segredos #2 - Ansiedade

Bem-vindos mais uma vez a Conversas sem segredos.

maxresdefault.jpg

Olá Chá das cinco!

Vivo em estado de ansiedade. Não sei se é pelo stress do dia-a-dia ou se estou com algum problema mais greve. Não sei que fazer. Podes-me ajudar?

 

Olá segredos!

A ansiedade é uma emoção normal do ser humano, comum ao se enfrentar algum problema no trabalho, antes de uma prova ou diante de decisões difíceis do dia a dia. No entanto, a ansiedade excessiva pode se tornar uma doença, ou melhor, um distúrbio de ansiedade.

A ansiedade é um assunto delicado, complexo e bastante presente na nossa vida. Ansiedade faz parte da nossa vida inclusive na antecipação de momentos que consideramos felizes, como o primeiro dia no novo trabalho, o dia do casamento ou um reencontro importante.

E como todos sabemos ansiedade não é muito amiga do nosso querido stress e hoje em dias estes dois andam de mãos dadas (apesar de não serem amigos) e afectam muito o nosso dia-a-dia ou seja afecta o nosso trabalho, a nossa vida pessoal e a nossa vida social (a pressão da sociedade, dos familiares, a pressão para sermos os melhores em tudo, a pressão para estarmos sempre disponível para os outros, a pressão de ser politicamente correcto, a pressão no caso das mulheres de querem ser ou não mães, a pressão para teremos um curso superior, são tantas pressões). Isto tem graves implicações na nossa vida e por que por vezes pode ser fatais e impedimos de sermos pessoas felizes e de fazer as pequenas coisas do nosso dia-a-dia como por exemplo comer.

Pessoas que sofrem de distúrbios de ansiedade sentem uma preocupação e medo extremos em situações simples da rotina, além de alguns sintomas físicos, o que atrapalha suas actividades quotidianas, já que eles são difíceis de controlar.

Apesar da ansiedade por vezes ser um grave problema que tem e deve ser tratada logo que for possível e detectada afim de vivermos tranquilosMas nem sempre a ansiedade é uma patologia, às vezes também é bom vivermos um certo grau de ansiedade mas quando é saudável, ou seja, para nos mantermos e sentirmos vivos, atentos, para podermos voar e atingir os nossos objectivos. 

Uma dose de ansiedade na medida certa tempera com sucesso o sabor das conquistas.

Existe pessoas que gostam de trabalhar sobre algum stress (conheço alguns exemplos disso) mas isso não é problema e volto a repetir quando acontece de forma saudável e equilibrada.

O problema acontece e passa a ser grave quando existe um desequilíbrio e quando ansiedade e o stress aumento o nível sendo assim é melhor é procura ajuda de um especialista.

Um estado de energia descontrolado que nos abana por dentro e destrói a serenidade e o equilíbrio físico e mental.

Como não se sabe bem ao certo porque algumas pessoas são mais ansiosas que outras e numa altura que vivemos numa sociedade "cheia" e muito atarefada é muito importante percebermos o que é a ansiedade, o que está nos retira, qual a melhor maneira de lidar com ela e existem alguns sinais aos quais devemos estar bem atentos e nós pode ajudar no nosso dia-a-dia. Deixo aqui alguns desse sinais para que possa ser útil.
 
  1. O corpo começa a falar por nós:
  • Alterações do sono
  • Sofrer com tensão muscular
  • Ficar à beira de um ataque de nervos - Irritabilidade, mudanças de humor repentinas e sem explicação aparente. Esses sintomas surgem em momentos de maior pressão e stress, por exemplo, quando da perda de um emprego ou de um ente querido.
  • Sofrer com sintomas físicos (cansaço fácil, sensação de falta de ar ou asfixia, coração acelerado, suor excessivo, mãos frias e suadas, boca seca, tontura, náuseas, diarreia, desconforto abdominal, ondas de calor, calafrios, dificuldade para engolir, sensação de engasgo)
     2. Não és tu próprio e já sabes lidar contigo mesmo:
  • Quando começas a sentir que fazer certas coisas  começa a ser complicado e não sabes se é por não seremos capazes ou se é por estarmos ansiosos. 
  • Teremos medo de tudo. Indivíduos com transtornos de ansiedade em geral super estimam o perigo nas situações que temem ou evitam. 
     3. Não reconhecer as suas verdadeiras capacidades:
  • Ter medo de falar em público - Somente ao pensar na necessidade de realizar uma apresentação para uma plateia sinais como mãos geladas, taquicardia, falta de ar e respiração ofegante aparecem. 
  • não ser bom o suficiente
  • medo do fracasso
  • pânico de ficar sozinho ou de não ser aceito
  • autocrítica

ansiedade-e-hormonios.jpg

Fonte: Clínica da Mente
 
Espero que tenho ajudado Segredos. Se continuar a sentir assim é melhor procurar ajuda de um especialista que a possa ajudar a seguir um tratamento e a perceber porque se sente assim.

scattered-braintoo-many-thoughts-267x300.jpg

 

 

Gostaram? Espero que sim.

Subscrevam o blogue e comentem.

Beijinho e marcamos encontro na próxima publicação.

images (1).jpg

 

3 comentários

Comentar post